“A Jagunça” integra a programação do Projeto Leitura Rara no Memorial Vale

Evento acontece nesta quinta-feira, 27/06
RedaLumi

            O Memorial Minas Gerais Vale (Praça da Liberdade, 640, esquina com Rua Gonçalves Dias – BH) recebe mais uma edição do Projeto Leitura Rara nesta quinta-feira, 27/06, a partir das 19h. O texto da vez é “A Jagunça”, da Cia Insólita, trilha sonora de Flávio Cravo e direção de Ildeu Ferreira. A entrada é gratuita com senhas distribuídas uma hora antes do evento.

            A peça conta a história de Zinha, que nasceu num“fim de mundo” do sertão mineiro, onde seu esposo e filho foram assassinados. Para vingar a morte deles, ela abre seu corpo para Deus e o Diabo. Seu feito se espalha pelo sertão, onde pedidos de “acerto de conta” são feitos e ela passa a ser conhecida como “A Jagunça”. O texto, com seus jargões, expressões, ritmo e melodia, ganhou reforço com acompanhamento musical, que ora é percussivo, o que realça e dá tonicidade aos momentos de fuga e conflitos da protagonista, e ora se faz através de paisagens sonoras, executado ao vivo. Uma atriz e um músico trazem para a cena o sertão, com seus mitos e mistérios. Para além da relevância estética e de linguagem, o espetáculo apresenta ao público um rico legado da cultura mineira, com suas histórias e tradições (rezas, bendições e costumes).

___
SERVIÇO:
PROJETO LEITURA RARA – A JAGUNÇA
Data: Quinta-Feira, 27/06/2019
Horário: 19:00
Local: Memorial Minas Gerais Vale (Praça da Liberdade, 640, esquina com Rua Gonçalves Dias, Lourdes – BH).
Entrada Gratuita com senhas entregues a partir das 18:00
Ilustração: Geraldo Martins

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s